Sábado, 26 Novembro 2016 12:29

Igrejas brasileiras recolheram R$ 17 bilhões de dízimo em um ano

Publicado por
Avaliar
(0 Votos)

As igrejas brasileiras, de diferentes religiões, declararam à Receita Federal terem recebido R$ 17 bilhões de dízimo e de doações variadas em 2013, último ano consolidado na tabela do órgão. Em comparação com 2011, quando foram arrecadados R$ 13,7 bilhões, o crescimento foi de 23,6%. 

O montante arrecadado anualmente pelas igrejas pode ser ainda maior. Um levantamento do Jornal Folha de São Paulo, indica que em 2011 foram 20,6 bilhões de reais, com R$ 10,8 bilhões vindo de doações voluntárias, R$ 3,47 bilhões do dízimo, R$3 bilhões pela venda de bens e serviços e R$ 460 milhões de rendimentos em ações e aplicações.

O Senado Federal lançou uma pesquisa nas redes sociais perguntando à população se as igrejas devem passar a pagar impostos no Brasil. A proposta partiu de um grupo de ateus do Distrito Federal e ganhou a adesão da ATEA ( Associação Brasileira de Ateus e Agnósticos), que conta com 15 mil integrantes. A organização conseguiu reunir as  20 mil assinaturas suficientes para que a petição seja analisada por uma comissão da casa revisora do Congresso Nacional. Pelo caráter da inciativa, vai seguir para a Comissão de Direitos Humanos.

Na justificativa, o grupo de ateus argumentou que "os constantes escândalos financeiros que líderes religiosos protagonizam estão tornando-se o principal motivador da ideia de que a imunidade tributária das igrejas deve ser banida. O Estado é uma instituição laica e qualquer organização que permite o enriquecimento de seus líderes e membros deve ser tributada”.

O presidente da Atea, Daniel SottoMaior, espera que o Congresso faça a discussão necessária sobre a proposta. "Esperamos que haja um debate mais amplo do que existe hoje, porque as questões de laicidade, apesar de no papel existir há mais de 120 anos,  na prática é só para ingles ver. A gente espera colaborar com a discussão para que a sociedade entenda a importância da separação entre igreja e Estado. A questão praticamente não avançou, são coisas muito obscuras que as pessoas precisam começar a entender", comentou.

E você? O que acha? 

Fonte: O Globo

Conheça o livro que tem abalado o mundo religioso! Clique Aqui!

Participe de nossa enquete. Sua opinião é muito importante para nós! Clique Aqui e de seu voto. 

Acessado 9049 vezes