Menu

MACHISMO

Dez imoralidades bíblicas não questionadas por cristãos

1 - Triângulo amoroso O patriarca Abraão, sua mulher, Sara, e a escrava Agar viveram um triângulo amoroso complicado. Sara era estéril e, ao passar dos 70 anos, sugeriu ao marido que tomasse uma nova esposa. Agar foi a escolhida e deu à luz Ismael, mas Sara se arrependeu. Engravidou 14 anos depois, teve Isaac e, enciumada, exigiu a expulsão da rival e do filho dela. Supostamente, a briga rende até hoje: Ismael teria dado origem ao povo árabe, e Isaac, ao povo judeu. [Gênesis, capítulo 21, versículos 1-14] 2 - Dança sensual em troca de uma cabeça A história…
Leia mais ...

O Machismo Bíblico

Um fator que me deixa espantado nas páginas da bíblia é o extremo machismo ali descrito. As mulheres são rebaixadas de tal forma que fica difícil entender o grande número delas nas religiões que seguem a bíblia. O machismo bíblico já começa logo no primeiro livro da bíblia, Gênesis. Ali a mulher é descrita como sendo criada de uma costela de Adão. Isto mesmo, a mulher e retratada como um pedaço do homem, um mero complemento, uma serviçal ajudadora (Gênesis 2:18-24). Como se isso não bastasse à mulher é apontada como a culpada pelo pecado original (Gênesis 3:1-5). Pior ainda, o escritor…
Leia mais ...